Diocese de Santo André

Legião de Maria celebra 65 anos de atividades na Diocese de Santo André

No mesmo ano da celebração do centenário da associação que nasceu em Dublin, na Irlanda, em 1921, pelas mãos do servo de Deus, o leigo católico Frank Duff, a Legião de Maria completa 65 anos de atuação na Diocese de Santo André.  O primeiro bispo diocesano Dom Jorge Marcos de Oliveira (1915-1989) conheceu a legião no Rio de Janeiro e trouxe a ideia para São Paulo.

Com o auxílio de umas legionárias de São Paulo, junto com a enviada Marie Clerkin, da Irlanda, fundaram os cinco primeiros núcleos de membros ativos  da associação apostólica no ano de 1956. São eles: Praesidium Nossa Senhora da Anunciação, na Paróquia São Camilo de Léllis, Camilópolis, em Santo André, no dia 22 de março; Praesidium Nossa Senhora Aparecida, na Paróquia Santa Maria Goretti, em Santo André, no dia 24 de março; Praesidium Nossa Senhora da Prosperidade, na Paróquia Nossa Senhora da Prosperidade, na Vila Prosperidade, em São Caetano do Sul, no dia 3 de abril; Praesidium Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos, na Igreja Matriz Sagrada Família, em São Caetano do Sul, no dia 5 de abril; e o Praesidium Imaculada Conceição, na Igreja Matriz de Santo André, no dia 30 de abril. Dom Jorge Marcos de Oliveira era o diretor espiritual da associação e a Cúria Auxiliadora Joje Comitium Auxiliadora – Santo André foi fundada no dia 3 de maio de 1956.

Atualmente, a Diocese de Santo André possui, em média, 1.050 membros ativos, 120 membros ativos e juvenis, 7,1 mil membros auxiliares e 125 Praesidia da Legião de Maria.

 

Praesidium mais antigo na ativa
Dos cinco praesidia mais antigos da diocese, o único que ainda continua na ativa é o Praesidium Imaculada Conceição, da Igreja Matriz de Santo André. No último dia 30 de abril, o grupo completou 65 anos de caminhada. “Alguns faleceram, outros saíram durante as últimas décadas, mas o praesidium permanece em atividade. A Pedrina seria a mais antiga e ainda viva, com 93 anos”, comenta Lúcia Durante, 87 anos, que participa do praesidium há mais de três décadas. Ela conta que cerca de 15 pessoas participaram da fundação, como consta na ata. Com o passar das décadas e a criação de novos praesidia, os legionários começaram a participar de outros grupos na região nas paróquias que seriam criadas a partir da década de 1960. ” Hoje, temos quatro membros ativos que realizam as reuniões, as visitas, as orações nos grupos de terço e participam das cerimônias dos Senatus (designado pelo Concilium, que é a autoridade suprema da Legião de Maria, para exercer autoridade numa nação) . E outros 148 membros auxiliares que rezam nas casas”, revela.

No entanto, Lúcia afirma que durante a pandemia os trabalhos presenciais praticamente ficaram paralisados. “Aqui, a Legião de Maria tem muitos membros de idade. Por isso, não estamos realizando reuniões presenciais, nem visitas nesta época. A própria Festa da Acies não realizamos nos últimos dois anos. Mas tenho telefonado para os legionários para saber como estão, sendo uma forma de manter contato.” Ela acredita que a missão de levar a associação para conhecimento dos mais jovens deve ser reforçada para que os praesidia permaneçam ativos. “Importante para a Legião de Maria continuar firme e forte”, completa.

Mais informações sobre como participar do praesidium da Igreja Matriz de Santo André no telefone: 4436-4798

Praesidium juvenil
A Diocese de Santo André também conta com um dos praesidia mais jovens fundados nos últimos anos. É o caso do praesidium juvenil Nossa Senhora da Paz, na Paróquia Santa Rita de Cássia, em Diadema. O grupo foi criado no dia 9 de fevereiro de 2019 e hoje conta com 16 crianças e jovens, com idade entre 5 e 12 anos.

“Como legionários realizamos frequentemente visitas domiciliares aos moradores da comunidade. Nessas visitas percebemos o quanto os jovens estavam e estão afastados da igreja. Com a permissão dos pais e do padre Leandro Alves Figueredo, pároco, fundamos o grupo com os jovens  que se interessaram”, revela a comerciante Maria das Dôres Gomes Henrique, 51 anos, presidente do Praesidium Juvenil Nossa Senhora da Paz e secretária do Praesidium Nossa Senhora da Piedade. Segundo Dora, como é conhecida, a princípio a atividade se resumia à  participação na Santa Missa, pois os jovens membros não tinham muita proximidade com a igreja. “A partir daí começamos a realizar a acolhida nas missas, visitas a outras crianças, rezando terços nos lares, participando dos encontros  da paróquia, da adoração ao Santíssimo, dos encontros da Legião de Maria, da novena de Natal e do círculo bíblico”, afirma Dora, ao mencionar que alguns jovens da legião atualmente são coroinhas e fazem leitura nas missas. “E com a pandemia continuamos com os terços de forma online e com as orações da Legião de Maria”, complementa.

Mais informações sobre como participar do praesidium juvenil, entre em contato com Dora pelo WhatsApp: 98415-0846.

 

Centenário da Legião de Maria
As comemorações acontecerão no dia 7 de setembro (terça), com a Oração do Santo Rosário, às 14h, seguida da leitura da história da legião, desde a fundação até os dias atuais, e o ápice com a celebração da Missa em Ação de Graças presidida pelo bispo diocesano Dom Pedro Carlos Cipollini, às 15h, na Catedral Nossa Senhora do Carmo, no Centro de Santo André. A programação será transmitida pelas mídias diocesanas: Facebook e YouTube.

Para conhecer e participar da Legião de Maria na Diocese de Santo André, basta entrar em contato pelo Telefone/WhatsApp: 94970-5533 e falar com a coordenadora diocesana Maria das Dores Ferreira Sobrinho Fiachi.

 

Leia mais

Missa Diocesana em Ação de Graças pelo centenário da Legião de Maria acontece no dia 7 de setembro

Compartilhe:

Ginásio lotado com mais de 7 mil pessoas marca celebração dos 70 anos da Diocese de Santo André

Catedral diocesana celebra sua padroeira

Padre Toninho assume nova missão na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Jovens Sarados comemoram 15 anos com missa presidida pelo bispo diocesano

ENCONTRO CHEGA AO FIM COM REFLEXÃO SOBRE PERSPECTIVAS PARA A AÇÃO EVANGELIZADORA DA IGREJA NO BRASIL

PARTICIPANTES DE ENCONTRO DESTACAM PROPOSTA DE SINODALIDADE NA AÇÃO PASTORAL DA IGREJA

“O COORDENADOR DE PASTORAL É UM MEDIADOR DA GRAÇA DE DEUS E PROMOVE A COOPERAÇÃO NA COMUNIDADE”, DISSE NÚNCIO APOSTÓLICO

Encontro Diocesano dos Coroinhas e Cerimoniários reúne mais de 2500 jovens e crianças

Nossa Senhora do Carmo

nomeacoes

Nomeação e provisões – 03/07/2024