Diocese de Santo André

COMIDI reforça papel dos conselhos missionários na prática do 8º Plano de Pastoral

Reunião do Conselho Missionário Diocesano destacou preparação das regiões pastorais visando as atividades do Mês Missionário Extraordinário, em outubro

O COMIDI (Conselho Missionário Diocesano) realizou na manhã de sábado (1º/06), reunião para reforçar a preparação das atividades do MME (Mês Missionário Extraordinário), como a Vigília e as Visitas Missionárias que acontecerão no dia 19 de outubro de 2019, nas dez regiões pastorais da Diocese de Santo André.

Ocorrido no 5º andar do edifício Santo André Apóstolo da Cúria Diocesana, o encontro teve início com momento oracional, seguido da leitura da ata da última reunião do COMIDI realizada no dia 6 de abril. Depois, os integrantes abordaram as visitas e atividades nas paróquias, a fim de promover o levantamento dos trabalhos missionários visando o MME; a presença do CRP; o itinerário das atividades de 2019 e encerrando com a oração do Mês Missionário Extraordinário. o COMIDI conta com representações de diversas expressões missionárias como IAM (Infância e Adolescência Missionária), CRB (Conferência dos Religiosos do Brasil) e CNIS (Conferência Nacional dos Institutos Seculares), além de um representante de cada região pastoral.

Com o tema “Batizados e enviados: a Igreja de Cristo em missão no mundo“, o Mês Missionário Extraordinário foi convocado pelo Papa Francisco em dezembro do ano passado. A iniciativa estimula as paróquias a intensificarem ações da chamada ‘Igreja em Saída’. Um manual de preparação está à disposição no site http://www.october2019.va , no qual são apresentados diferentes testemunhos da missão, bem como diferentes temas como os leigos e as famílias em missão no mundo, os consagrados, os movimentos eclesiais, as religiões e culturas no diálogo, a pobreza e a justiça social.

*

8º Plano de Pastoral

Assessor da Comissão Missionária Diocesana, Pe. Ryan Holke comenta que a reunião aprofundou as prioridades de atuação dos conselhos elencadas pelo 8º Plano Diocesano de Pastoral, como uma Igreja que fortaleça a cultura e espiritualidade do acolhimento em permanente ação missionária.

“Esses movimentos dos conselhos missionários vêm ao encontro das conclusões do Sínodo Diocesano, que prevê a criação dos COMIPAs (Conselhos Missionários Paroquiais). Estamos dando continuidade, sobretudo, aos itinerários 5, 6 e 7, que tratam sobre a dimensão missionária do 8º Plano Diocesano de Pastoral”, enfatiza.

O itinerário 5 traz ações de formação para missão. O objetivo deste Itinerário é desenvolver a consciência missionária nas pastorais, movimentos e associações, fortalecendo a organização das ações missionárias.

Já o itinerário 6 fala da setorização da paróquia com o objetivo de identificar potencialidades e fragilidades nas áreas paroquias, de forma a poder responder mais rápida e concretamente às necessidades de cada setor. Por fim, o itinerário 7 trata da organização das visitas missionárias.

*

Formação dos conselhos missionários

De acordo com o sacerdote, auxiliado na coordenação dos trabalhos pelo seminarista Eduardo Coelho Lima, será a primeira vez na Diocese de Santo André que acontecerá essa missão no formato dos conselhos missionários, sendo realizada simultaneamente em todas as regiões pastorais.

“As visitas missionárias acontecerão em 19 de outubro e nesse mesmo dia celebraremos vigília missionária. Na medida em que estamos preparando esse evento, aproveitamos para fortalecer a estrutura dos conselhos missionários, que são os COMIPAs (Conselhos Missionários Paroquiais) nas paróquias e COMIRPs (Conselhos Missionários das Regiões Pastorais) em cada uma das dez regiões pastorais”, revela.

*

Propostas e calendário

Entre as propostas do COMIDI estão as visitas missionárias nas paróquias, realizadas desde janeiro de 2019; apresentar a formação sobre o COMIPA no CRP (Conselho Regional de Pastoral) e a convocação do COMIRP. Por outro lado, o COMIRP partilha a realidade de cada região pastoral e apoia a criação dos COMIPAs.

O levantamento do território paroquial é realizado para o projeto de setorização ser bem-sucedido, posteriormente com a organização dos setores, a formulação das estratégias, a formação das referências dos setores e o acompanhamento dos trabalhos.

A relação final das paróquias que sediarão as atividades será divulgada até o dia 15 de junho. Na primeira semana de julho ocorrerá reunião com os párocos e representantes das igrejas sedes das visitas missionárias. Entre o início de agosto e o fim de setembro estarão abertas as inscrições e divulgação nas paróquias para os encontros, que serão realizados em outubro. Os COMIRPs (Conselhos Missionários das Regiões Pastorais) realizarão a formação dos missionários visitadores entre os dias 1º e 18 de outubro.

*

Mês missionário

Outra meta é fazer com que os CRPs (Conselhos Regionais de Pastoral) divulguem o material explicativo sobre os conselhos missionários e a implementação dos mesmos nas paróquias, além de apresentar um resumo das propostas para o Mês Missionário Extraordinário, que será um impulso valioso nas iniciativas missionárias do 8º Plano de Pastoral.

Entre elas, as Visitas Missionárias Regionais e as Novenas Missionárias, em sintonia com as solicitações do Papa Francisco e da CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil), serão realizadas em cada uma das dez regiões pastorais, com a escolha de uma paróquia sede, como preparação para receber a Vigília Missionária Regional, no dia 19 de outubro de 2019.

 

Compartilhe:

Homilia, Missa do Jubileu Diocesano 70 Anos da criação da Diocese de Santo André

Ginásio lotado com mais de 7 mil pessoas marca celebração dos 70 anos da Diocese de Santo André

Catedral diocesana celebra sua padroeira

Padre Toninho assume nova missão na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Jovens Sarados comemoram 15 anos com missa presidida pelo bispo diocesano

ENCONTRO CHEGA AO FIM COM REFLEXÃO SOBRE PERSPECTIVAS PARA A AÇÃO EVANGELIZADORA DA IGREJA NO BRASIL

PARTICIPANTES DE ENCONTRO DESTACAM PROPOSTA DE SINODALIDADE NA AÇÃO PASTORAL DA IGREJA

“O COORDENADOR DE PASTORAL É UM MEDIADOR DA GRAÇA DE DEUS E PROMOVE A COOPERAÇÃO NA COMUNIDADE”, DISSE NÚNCIO APOSTÓLICO

Encontro Diocesano dos Coroinhas e Cerimoniários reúne mais de 2500 jovens e crianças

Nossa Senhora do Carmo