Diocese de Santo André

Diocese autoriza volta das missas presenciais a partir de 13 de junho

Reiterando o compromisso com a vida, o cuidado com o povo e seguindo todas as orientações da Organização Mundial da Saúde, Ministério da Saúde e vigilância sanitária, a Diocese de Santo André, por meio do bispo diocesano, Dom Pedro Carlos Cipollini, anunciou na manhã deste sábado (30/05), o conjunto de normas para reabertura gradual das igrejas visando a retomada das missas, a partir do dia 13 de junho, a fim de que voltem a receber público nas celebrações.

O documento com 60 itens, em acordo com as recomendações científicas e orientações dos órgãos da área da saúde, será publicado neste domingo (31/05), Dia da Solenidade de Pentecostes, em todos os canais oficias da Diocese (Site, Facebook, Instagram, YouTube e Twitter). Todo o clero diocesano será orientado a divulgar as informações durante as transmissões dominicais das missas online, que prosseguirão pelas mídias sociais.

Tal anúncio não descarta em hipótese alguma, a continuidade das normas de isolamento social, que tem salvado vidas e evitado a sobrecarga no sistema público de saúde, e reafirma a necessidade de continuidade da quarentena e da conscientização do povo para evitar aglomerações e tomar todos os cuidados de higiene divulgados cotidianamente.

“As presentes disposições são válidas a partir da data de publicação deste documento. Entram em vigor no dia 13 de junho, Festa de Santo Antônio de Pádua. Aconselhamos que as comunidades paroquiais, na pessoa do pároco ou administrador paroquial, junto ao CPP – Conselho Pastoral Paroquial – realizem o discernimento sobre o melhor momento de reiniciar as celebrações presenciais. Alertamos para a necessidade de divulgação e, sobretudo, o estudo e preparação para aplicar essas normas com responsabilidade”, avisa Dom Pedro, ao reafirmar a necessidade da continuidade do isolamento social durante a pandemia da Covid-19 e que as pessoas devem adotar bom senso, ao observarem as normas e segui-las, caso queiram comparecer às celebrações.

Cada uma das 106 paróquias e 257 capelas e comunidades da Igreja Católica no Grande ABC deverão estudar as normas para análise da possibilidade de cumprimento de todas as orientações por parte dos padres, funcionários e fiéis dentro da igreja e nos arredores do templo.

“Que essas normas sejam recebidas como fruto de uma preocupação do bispo para atender a todos. Nosso Sínodo Diocesano teve como lema o desejo missionário de chegar a todos. E o bispo, como pai e pastor, olha a Igreja toda”, sintetiza Dom Pedro.

Assista o pronunciamento, na íntegra 

Elaboração das normas

No pronunciamento oficial, o pastor da Igreja Católica no Grande ABC destacou que a elaboração da normas disciplinares ocorreu durante a reunião extraordinária online do Conselho Diocesano de Presbíteros, realizada na manhã de quinta (28/05), e que contou com as presenças de Dom Pedro, padres coordenadores das dez regiões pastorais, vigários episcopais e demais membros do conselho.

As ações envolvem a preparação do local e condições para celebrar a participação dos fiéis durante as missas e demais celebrações, bem como as medidas que serão tomadas seguindo todas as orientações dos organismos. O documento também versa sobre outras celebrações sacramentais (batizados, matrimônios, confissões, etc) e atividades pastorais.

Compartilhe:

Homilia, Missa do Jubileu Diocesano 70 Anos da criação da Diocese de Santo André

Ginásio lotado com mais de 7 mil pessoas marca celebração dos 70 anos da Diocese de Santo André

Catedral diocesana celebra sua padroeira

Padre Toninho assume nova missão na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Jovens Sarados comemoram 15 anos com missa presidida pelo bispo diocesano

ENCONTRO CHEGA AO FIM COM REFLEXÃO SOBRE PERSPECTIVAS PARA A AÇÃO EVANGELIZADORA DA IGREJA NO BRASIL

PARTICIPANTES DE ENCONTRO DESTACAM PROPOSTA DE SINODALIDADE NA AÇÃO PASTORAL DA IGREJA

“O COORDENADOR DE PASTORAL É UM MEDIADOR DA GRAÇA DE DEUS E PROMOVE A COOPERAÇÃO NA COMUNIDADE”, DISSE NÚNCIO APOSTÓLICO

Encontro Diocesano dos Coroinhas e Cerimoniários reúne mais de 2500 jovens e crianças

Nossa Senhora do Carmo