Diocese de Santo André

Missa de Envio da Pastoral da Acolhida acontece em outubro

A 1ª Missa de Envio da Pastoral da Acolhida da Diocese de Santo André acontecerá no domingo dia 6 de outubro, às 15h, na Paróquia Santo Antônio (Largo São Francisco, 113 – Vila Alpina), em Santo André.

A celebração será presidida pelo bispo diocesano Dom Pedro Carlos Cipollini. As equipes de acolhida das igrejas, capelas e comunidades das dez regiões pastorais são convidadas a chegarem às 14h30, a fim de participarem de uma palestra de formação com o vigário episcopal para Pastoral, Pe. Joel Nery.

O novo logotipo da pastoral será apresentado na procissão de entrada. O objetivo é padronizar uma identificação para atuação em todas as dez regiões pastorais, ou seja, um símbolo que represente a pastoral, de uma forma diocesana, e com isso dialogar com as necessidades das pastorais, servindo de referência e de apoio, afim de dar mais visibilidade ao movimento acolhedor nas paróquias e também na sociedade.

De acordo com o assessor diocesano da Pastoral da Acolhida, padre Vanderlei Nunes, a Pastoral da Acolhida conta atualmente com cerca de 2,5 mil integrantes presentes em 80 a 85 % das 105 paróquias e 264 capelas/ comunidades no território da Diocese de Santo André.

Para o coordenador diocesano da Pastoral da Acolhida, Renato Lorett, uma das principais tarefas é promover a formação para as equipes já existentes e incentivar a criação de novos grupos da pastoral.

A atividade atende aos itinerários do 8º Plano Diocesano de Pastoral, principalmente aqueles que tratam da formação para a missão e da conversão para o acolhimento.

Compartilhe:

Ginásio lotado com mais de 7 mil pessoas marca celebração dos 70 anos da Diocese de Santo André

Catedral diocesana celebra sua padroeira

Padre Toninho assume nova missão na Paróquia Nossa Senhora Auxiliadora

Jovens Sarados comemoram 15 anos com missa presidida pelo bispo diocesano

ENCONTRO CHEGA AO FIM COM REFLEXÃO SOBRE PERSPECTIVAS PARA A AÇÃO EVANGELIZADORA DA IGREJA NO BRASIL

PARTICIPANTES DE ENCONTRO DESTACAM PROPOSTA DE SINODALIDADE NA AÇÃO PASTORAL DA IGREJA

“O COORDENADOR DE PASTORAL É UM MEDIADOR DA GRAÇA DE DEUS E PROMOVE A COOPERAÇÃO NA COMUNIDADE”, DISSE NÚNCIO APOSTÓLICO

Encontro Diocesano dos Coroinhas e Cerimoniários reúne mais de 2500 jovens e crianças

Nossa Senhora do Carmo

nomeacoes

Nomeação e provisões – 03/07/2024